RECADO AOS VISITANTES:

Olá! O blog está de férias, mas já estou trabalhando em novas postagens. O Sushi POP voltará a ser atualizado no dia 1 de agosto (terça), no período da tarde.

O que vem por aí:
- Ultraman Geed, Novo Lobo Solitário, resultado da convocação para trabalhos acadêmicos e mais!

Esteja aqui para conferir. Até breve!

quinta-feira, 17 de setembro de 2015

Bate-papo: Lembranças do Top TV - Especial Ultraman

Fabíola Villanova apresentava o Top TV,
classico da TV Record em 1993
Saudações.

Há muitos anos atrás, havia na Rede Record um programa chamado Top TV, que fazia reportagens sobre seriados e desenhos clássicos. Me lembro que no programa que falava sobre as séries Ultra, o seu nome apareceu nos créditos como consultor.

Como foi isso? Como eles o contataram? Sei que desta vez você não foi bater na porta da Rede Record para isso... certo? E tem alguma história curiosa/engraçada sobre esse evento?

Usys 222

Fala, Usys! Estou escrevendo minhas memórias com este blog, ah ah. Confesso que minhas lembranças da época são meio esparsas. Eu nem lembro o ano, tive que pesquisar, só pra você ter uma ideia. 

Em 1993, eu já tinha algum nome entre o público por causa dos meus quadrinhos e havia publicado uns poucos textos na revista SET (Ed. Azul). Foi muito antes da revista Herói e o Top TV era o único programa que falava de quadrinhos, seriados, ficção científica, cinema de aventura e afins. Daí, um dos redatores, não lembro se o Richard Kyaw ou o Pedro Henrique Peixoto, me ligou. 

Eles haviam descoberto meu nome por causa de matérias publicadas na revista SET (Ed. Azul), incluindo minha matéria de estreia, sobre o Ultraman Great, para a SET - Terror e Ficção em 1992. Eu já assistia ao Top TV quase todo domingo, inclusive gostava também do seriado americano Parker Lewis, que passava antes e era igualmente divertido. 



Na época, o que tínhamos eram fitas VHS, a maioria bem ruim, mas eu tinha duas fitas originais, seladas, de especiais da Tsuburaya. Um era uma coletânea de cenas de ação para mostrar poderes de alguns Ultras. Outra, mostrava cenas do primeiro episódio do primeiro Ultraman até o Ultraman Great. Eu também tinha cópias bem "mais ou menos" de episódios do Ace (batalha contra o Alien Hypollito) e Leo (aparição do Ultraman Jack), fora algumas gravações aleatórias do Seven e do Jack. Emprestei todas as fitas para os caras e fiquei explicando pra eles sobre cada um. Como fãs, eles também tinham algumas fitas, algumas informações e juntando dava um bom material sobre o Universo Ultra daquela época. 

Fui com eles até o estúdio da Record, entrei na ilha de edição (sala com equipamentos onde se faz a montagem de programas) acompanhei parte da seleção de cenas que ia entrar, mas não vi nem o PH (o locutor, que não era o Pedro Henrique) e nem a Fabíola (apresentadora). 

Fabíola Villanova usando camiseta National Kid
tendo Ultraman Great ao fundo.
A ilustração, publicada na revista Hobby Japan,
foi a mesma usada em minha
primeira matéria publicada, na extinta
SET - Terror e Ficção
A apresentadora usou nesse dia uma camiseta com o "N" do clássico National Kid (de 1960, o primeiro herói de tokusatsu exibido no Brasil), que havia sido lançado em VHS e havia ganho bastante destaque na mídia. A trilha sonora foi toda fornecida por mim, extraída de CDs e fitas cassete. As fotos mostradas vieram de livros da minha coleção e toda a captura de imagens foi obtida filmando cada página. Deve ter dado um trabalhão pra ajeitar tudo. Além disso, cheguei a rascunhar alguns textos para a locução do PH, mas não lembro se algum chegou a entrar na íntegra. Revendo o programa para escrever este post, algumas cenas têm passagens que eu me recordo de ter escrito. Fico feliz por terem usado algo que escrevi, pois o Richard e o Pedro redigiam bem demais, tanto que foram contratados pela TV Globo pra escrever o Video Show, tempos depois. 

Durante o especial, foi mencionado que a Yuriko Hishimi (Anne, de Ultraseven) fez filmes eróticos depois do seriado e daí, pra minha surpresa, colocaram uma cena rápida de um filme pornô. Aparecia rapidamente uma atriz (ainda vestida) beijando um ator (igualmente vestido). Não era a Yuriko Hishimi quem aparecia, apenas uma atriz oriental. Fizeram isso puramente "de zoeira", o que deve ter deixado pastores de cabelo em pé quando a cena foi ao ar. Eu mesmo levei um susto quando vi o que tinha entrado (sim, eu sabia o que era). :-P


O Top TV falava de quadrinhos, cinema,
seriados e ficção científica com uma
linguagem dinâmica e muito bom humor.
Uma revolução na TV.
O programa foi ao ar na tarde do dia 19 de dezembro de 1993 (um domingo), sendo reprisado no sábado seguinte, em pleno Natal. Aquele seria o último programa Top TV. 

Apesar da boa audiência, diziam que a relação com os diretores da Record, pastores da Igreja Universal do Reino de Deus, não era das melhores por causa das ousadias e molecagens que eles falavam e mostravam. Quando souberam que o programa ia acabar, resolveram que o último seria o tão aguardado especial sobre Ultraman, algo pra ficar na memória de todos. Depois, parece que conseguiram mais uma edição do programa (até anunciaram o resultado de uma promoção), mas não lembro se passou mesmo. 

O Especial Ultraman foi um sucesso e repercutiu durante muito tempo, mas claro que teve gafes. O planeta Ultra é chamado de "planeta M-78" (que é na verdade uma nebulosa) e saíram uns errinhos aqui e ali. Também é dito que a batalha contra Hypollito foi o final de Ultraman Ace, mas eu sabia que não era. Algumas informações eu não sei de onde vieram, mas alguns erros falados foram meus, certamente. Também não tive acesso à edição final ou sequer ao roteiro final, e assisti como um expectador comum, o que foi emocionante, claro. Mas mesmo com os erros, as imagens, numa época muito anterior à internet, compensaram tudo. 

O especial foi postado no YouTube e é um precioso registro de uma época anterior até mesmo à revista Herói. Fico feliz por ter participado, pelo menos um pouco, desse verdadeiro marco para a cultura pop no Brasil. Para aquele garoto de 22 anos que eu era, foi uma diversão daquelas. 

*****************************

Participe da seção Bate-papo!

- Envie sua pergunta ou tema de discussão sobre cultura pop japonesa, HQ e afins para nagado71@hotmail.com, colocando no assunto da mensagem: 
Bate-papo Sushi POP 

21 comentários:

Usys 222 disse...

Obrigado por responder à pergunta que enviei!
Eu estava com a memória bem embaralhada. Achava que o programa passava na época da Herói, mas agora vejo que foi bem antes. E fico impressionado com a quantidade de material. De fato existem algumas inconsistências, mas é compreensível considerando as condições da época.

E me impressiona também a capacidade de edição, porque tirar material de fitas VHS é jogo duro. Eles ainda exibiram toda a cena do resgate do Regresso de Ultraman, o que foi uma dádiva, pois na época isso era coisa raríssima.

Outra coisa boa é que teve um monte de material que é referenciado em séries mais recentes, como o Ultra Fight Victory. Foi bom para relembrar. E acho estranho não ter um programa do tipo em canais pagos como a Discovery ou algo parecido.

Tem até um trecho do mangá do Ultraman Great feito pelo Kazuhiko Shimamoto! Felizmente tenho todos os capítulos e isso me dá uma ideia...

Stefano disse...

dá pra dizer que National Kid e Ultraman foram os "Jaspions" dos anos 60 ?

Michel disse...

Boas lembranças, esse especial do Ultraman do tempo que a gente ainda não nos conhecíamos. Acho que foi a primeira vez que vi o seu nome. Talvez a VHS com a gravação da primeira exibição desse especial, ainda esteja lá em casa (no Brasil).

Ricardo disse...

Minha história com esse especial é um tanto traumática.

Eu era espectador assíduo do Top TV, chegava a gravar várias matérias de séries antigas (americanas e japonesas) que eles exibiam. As que mais me chamavam atenção eram justamente as dos Ultras.

Quando soube que haveria um programa dedicado exclusivamente aos heróis de M-78, fiquei maluco. Havia, porém, um problema: no mesmo dia e horário seria a final do Brasileiro de 93, em que o Palmeiras enfrentaria (e venceria, graças a Deus) o Vitória. Deixei gravando o especial e vendo o jogo. Mas qual foi minha decepção ao ver que o meu bendito vídeo simplesmente não gravou o áudio do programa, só as imagens.

Em janeiro o Top TV começou a reexibir os especiais temáticos do ano anterior. Após o final do especial do Batman, anunciaram a reprise dos Ultras para a semana seguinte. Para meu desalento, no entanto, o Top TV saiu do ar em São Paulo justamente nessa semana.

Achei que nunca mais iria ver o especial. Essa lacuna foi preenchida posteriormente com a chegada da Herói, a minha descoberta da Comics e seus VHS´s caríssimos e, posteriormente, com o advento da internet, em que tive oportunidade de encontrar outros colecionadores e ter acesso a mais material. Só vim a assistir o especial recentemente, no Youtube.

Sobre o post, muito interessante saber essas curiosidades a respeito dos bastidores do especial. E fiquei realmente surpreso ao descobrir que ele foi repetido no Natal. Se eu tivesse sabido disso na época, teria poupado anos de frustração...

Ale Nagado disse...

Fala, Usys! Eu que agradeço mais uma participação produtiva no Bate-papo.

Realmente, pra quem não tinha acesso a fitas japonesas ou de colecionador, rever aquela sequência do Ultraman e Ultraseven salvando o Jack deve ter sido arrepiante.

Acho que a grande dificuldade em montar um programa assim hoje em dia seria negociar os direitos de imagem. Antigamente não havia muito controle e o Top TV era meio como um fanzine televisivo. Quase nada teve direitos negociados para liberação de imagens. Hoje em dia seria bem complicado. E com a overdose de informação e facilidade de acesso hoje em dia, as pessoas vão direto atrás de suas séries, sem precisar de um programa que apele pra flashes de recordação. É por esse motivo também que o espaço pra imprensa especializada ficou mais restrito à internet.

Abraço!

Ale Nagado disse...

Olá, Stefano.

Olha, National Kid e Ultraman foram bastante populares em seu tempo. Ultraman atravessou gerações e é popular até hoje, com uma extensa franquia.

Jaspion foi um fenômeno sem precedentes e que não mais se repetirá com a mesma intensidade. O similar mais próximo foi a febre (beirando a histeria coletiva) que marcou a passagem dos Cavaleiros do Zodíaco no Brasil.

Abraço!

Ale Nagado disse...

Fala, Michel!

Minha fita VHS embolorou há muitos anos. Só consegui rever graças ao YouTube. Infelizmente, parece que não sobrou nenhuma gravação de boa qualidade para postarem lá. Mas tudo bem, pelo menos o áudio está bem nítido.

Abraço!

Ale Nagado disse...

Ricardo, que história! Ainda bem que conseguiu ouvir agora o áudio do programa e espero que tenha gostado.

Ver um programa de TV falando sobre Ultraman em 1993, época em que nenhuma emissora exibia mais os heróis de M-78, foi mesmo um sonho.

Obrigado por seu depoimento.
Abraços!

Rogério disse...

Boa noite Alexandre,

Lembro com carinho do Top TV(e de sua bela apresentadora).

Na época o programa foi uma lufada de ar fresco na programação
da TV.

Talvez tenha sido a primeira vez que a Cultura Nerd chegou a um
veículo de massa.

Hoje um programa assim só teria espaço, talvez, na própria internet.

Michel disse...

Meu irmão tava cuidando das VHS, rebobinando de tempo em tempo, mas depois nem sei se ele guardou ou não. Masa imagem era sofrível, pois gravei em EP. Tinha uma fita com quase todos os assuntos japoneses do TopTV.

Claudio Martins disse...

Saudações!!!
Não perdia um Top Tv!!!
Era emocionante ver os Ultras e saber que haviam mais...
Na época tinha meus 15/16 anos...
Lembranças...
Saudade de um tempo que não volta...
Um forte abraço!!

Ultra Ace Jack disse...

Realmente o Top TV foi histórico ! a primeira vez que assisti o programa foi quando estava em um domingo a tarde em casa zapeando pelos canais e passando pela Record vi cenas do desenho do Homem aranha aquele dos anos 60, já estava no final do programa quando a apresentadora disse que no próximo domingo eles iriam apresentar aberturas de séries e desenhos antigos !!! liguei para meu primo e comentei sobre o programa e na outra semana para o meu deleite passaram a abertura do Ultraseven !! não acreditava no que esta vendo e ouvindo ! aquela música a cenas !! foi incrível !!!! então o Top TV foi o meu compromisso de domingo a tarde e depois de um tempo o programa foi exibido a noite no domingo mesmo mas , acabou voltando para seu horário a tarde ! Assisti todos ! lembro de quase todas as matérias de Ultras ! O Especial Ultraman eu gravei na época e assisti várias e várias vezes ! Boas lembranças ! valeu por trazerem de volta algo tão especial !

Ultra Ace Jack disse...

Alexandre Nagado eu já conheci vc pessoalmente ! vc não deve lembrar mas foi a muito tempo em uma das exibições do Grupo Neo Animation lá no centro cultural de SP até trocamos algumas idéias ! eu era membro do Grupo e naquela ocasião rolava um especial só com séries Live Action antigas e vc até fez uma pequena introdução sobre a série " O Regresso de Ultraman " Bons tempos !!
Parabéns por todas as matérias ! sempre acompanho !

Claudio Martins disse...

É muito reconfortante compartilhar essas lembranças do Top Tv...
Eu vibrava com as informações que o programa dava...
Eu fui um assíduo leitor da Herói...
Sou fanzaço dos Ultras...
Gosto dos Riders e S.Sentais...
Mas o herói emborrachado de M-78 sempre me chamou mais atenção!
Muito pela ficção científica que permeia as séries...
E hoje tô curtindo X!!
E também tô sempre de olho nas matérias do site...
Valeu!!!!!
SHUAT!!!!

Aniki disse...

Fala, Nagado.

Esse Top TV especial Ultraman foi bem marcante pra mim. Lembro que na época fiquei esperando por ele após os especiais de Batman e Jornada nas Estrelas(ainda não chamavam pelo nome original, Star Trek, pelo que me lembro). Foi ótimo conhecer outros Ultras além dos que passaram por aqui.

Se não estiver errado creio que o programa exibiu uma matéria só do Ultraseven meses antes. E em outra o Jack era chamado de Ultraman Flash(?). Creio ter visto também cenas de Liveman e Kamen Rider Black RX...

Era uma época de boas lembranças e vontade de conhecer um pouco mais sobre esses personagens.

Bruno Seidel disse...

Será que sou jovem demais pra se lembrar desse programa?? hehehehehe! Realmente, nunca tinha ouvido falar do Top TV, mas acho que eu iria ser um grande fã se tivesse acesso a esse tipo de coisa nos meus 8 aninhos. Ou talvez iria ficar "boiando", vai saber.
Meu primeiro contato com um material "didático" sobre Cultura Pop e coisas do tipo foi com a Revista Herói (se bem que eu já consumia muitas revistas sobre vídeo game na época). Foi um caminho sem volta. Talvez se eu tivesse acompanhado o Top TV na época eu teria um envolvimento maior com esse universo do "show business".

Muito legal essa "viagem no túnel do tempo" por aqui. Se eu lembrar de mais alguma produção nostálgica, acionarei o Bate-Papo! ^^

Mestre Ryu Kanzuki disse...

Eu não me recordo de ter assistido esse programa, mas essa postagem me trouxe incríveis lembranças. Praticamente me fez voltar no tempo. Incrível.

ALTAIR SUPER FA disse...

NAGADO, VC REVOLUCIONOU A MIDIA VC É UM CARA NOTA 10,00000000000000000000000000000000000000 SOU SEU FAN, TE ADMIRO E MUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUUITO A 1ºVEZ Q TE VI FOI NA COMIX QUANDO TINHA O ESPAÇO CULTURAL EU DISSE LEMBRA??????????????? TENHO TODAS SUAS REVISTAS, ACHO DIFICIL DE LEMBRAR MAIS ATÉ HOJE NÃO ESQUEÇO FOI UMA EMOÇÃO DEMAIS!
VC E O RICARDO CRUZ SÃO MUITO HUMILDES E GENTE FINA !!!!!

OBRIGADO NAGADO POR TUDO Q VC FEZ PELA GENTE NA HEROI, TOPTV ENFIM VC É UM GRANDE PROFISSIONAL!

HENSHIN!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
ASS: ALTAIR SUPER FAN!

Ale Nagado disse...

Rogério, Cláudio, Ace, Mestre Ryu, Aniki: Muito obrigado pelo prestigio. O Top TV foi um marco para a cultura pop no Brasil. Fez na TV o que a Herói fez depois nas bancas. E depois, o Omelete na internet. Sou talvez o único no país que pode falar que colaborou com esses três veículos.

Abraços!!

Ale Nagado disse...

Altair:

Muito obrigado pelas palavras generosas. Fico feliz de passar uma boa impressão e mais ainda por meu trabalho merecer tantos elogios, ainda que eu tenha sido mais uma peça em uma engrenagem maior.

Abraço!

César Filho disse...

Ontem mesmo, antes de dormir, estava no YouTube (assistindo o episódio da semana de Ultraman Zero: The Chronicle) e um dos vídeos recomendados era este espacial do Top TV dedicado aos Ultras. Lembro de ter lido o post aqui no blog na época, mas por causa do tempo corrido acabei não assistindo. Infelizmente em 1993 não tínhamos a TV Record aqui em Fortaleza. O sinal esteve em fase experimental durante um final de semana de agosto de 1995 e só em novembro do ano seguinte é que entrou oficialmente em sinal UHF.

Sobre o programa, gostei muito do que vi. Foi um especial feito com amor e dedicação. É uma verdadeira preciosidade para pesquisa/estudo sobre tokusatsu que revelou informações sobre a Família Ultra que eram, até então, desconhecidas pelo público brasileiro. Meu primeiro contato com Ultraman foi através das suas matérias na revista Herói e nas reprises dos 12 primeiros episódios na Manchete. Talvez se eu tivesse conhecido o Top TV naquele ano, a minha curiosidade em conhecer a Família Ultra seria maior do que a primeira vez que assisti o gigante prateado.