quinta-feira, 28 de janeiro de 2016

Kamen Rider Número 1 - O Filme

O primeiro Kamen Rider é destaque no filme
comemorativo que ainda terá os heróis da
temporada, os Kamen Riders Ghost e Specter. 
Saiu o teaser trailer do novo filme de Kamen Rider e é hora de algumas considerações. 


O ano de 2016 é importante para as maiores franquias de super-heróis do tokusatsu. Além do já citado cinquentenário de Ultraman pela Tsuburaya Pro, a Toei Company estará festejando a 40ª série Super Sentai (a novíssima Zyuohger) e, numa extensão maior, o 45º aniversário do Kamen Rider original.


O Kamen Rider original está
de volta e com visual reformulado. 
Criado pelo lendário autor de mangás Shotaro Ishinomori em 1971, num projeto desenvolvido em conjunto com o produtor de TV Toru Hirayama, o primeiro Kamen Rider foi um divisor de águas na TV japonesa. 

Em plena época de heróis gigantes similares a Ultraman, o Kamen Rider era um herói de tamanho humano com aventuras dramáticas e repletas de ação violenta. 1971 foi o ano de O Regresso de Ultraman e Spectreman, séries de grande repercussão. E ainda assim, o Kamen Rider foi um sucesso absoluto e detonou o Henshin Boom, a mania por heróis que se transformam. Também gerou uma grande franquia, com dezenas de produções, sendo que o Brasil conheceu oficialmente apenas o Kamen Rider Black e o Black RX, além do Masked Rider, adaptação tosca do RX (com elementos do Kamen Rider ZO) produzida pela Saban, a mesma empresa que transformou Super Sentai em Power Rangers em 1993.
Hiroshi Fujioka em sua pose de
transformação. Um dos mais
icônicos atores japoneses, ainda
tem carisma e energia para ser
o primeiro e maior de
todos os Kamen Riders.
O  implacável Kamen Rider No 1, chamado de Ichi-Gou (leia "Iti-gôu"), já teve remake para cinema, intitulado Kamen Rider The First, lançado em 2005 e esse filme ganhou sequência, o Kamen Rider The Next, em 2007 Mas o primeiro Rider, dublado ou interpretado pelo ator original, Hiroshi Fujioka, voltou a aparecer em produções recentes. Mas desta vez, o destaque é todo dele, que completa 70 anos em 19 de fevereiro deste ano. 

Hiroshi Fujioka é graduado em judô e karatê e é um ator de extensa carreira em seu país, tendo feito até mesmo filmes no ocidente, como K2 - A Montanha da Morte (1992), onde assinou como John Fujioka. No Japão, foi Segata Sanshiro, garoto-propaganda da Sega, entre 1997 e 98. Ele também possui a honra de ter um planetóide ou asteróide batizado com seu nome, o 12408 Fujioka, descoberto em 1995 pelo astrônomo (e otaku) Akimasa Nakamura, o mesmo que já descobriu e batizou os asteróides 12796 Kamenrider e o 9081 Hideakianno (homenagem ao criador de Evangelion).

Considerado um ícone da cultura pop japonesa, Hiroshi Fujioka ainda tem a energia e o carisma necessários para interpretar um dos maiores super-heróis de seu país. 

O novato Kamen Rider Ghost irá aprender
valiosas lições com o maior de todos os heróis
da extensa linhagem de guerreiros da justiça. 
Ele irá encabeçar o elenco ao lado do jovem Shun Nishime, astro da atual série em exibição, Kamen Rider Ghost. Não se sabe se a história irá se encaixar na cronologia da série original ou se irão usar novamente o recurso de "versão de um mundo paralelo" e fazer a tradicional salada de personagens se encontrando sem explicação alguma. De qualquer forma, a atualização do visual do herói ficou bem interessante, mas não se sabe se a nova forma será definitiva ou uma espécie de "power up", uma evolução durante algum momento crucial do filme.

O filme Kamen Rider 1 (Ichi) Gou irá estrear no Japão em 26 de março, para não bater de frente com o filme do Ultraman X, que será lançado em 12 de março. O Kamen Rider original e o mais recente, o Ghost, irão unir forças para enfrentar uma renascida organização criminosa Shocker e é certo que outros heróis da franquia deverão aparecer. 
O longa foi anunciado no começo de janeiro para estrear no final de março. E somente nesta semana foi divulgada uma foto do novo visual do Kamen Rider e um teaser. Isso dá a ideia de que é uma produção feita muito às pressas, e não deve ter uma qualidade muito superior à de um episódio de TV. 

Confira o teaser trailer:



É certo que no Japão a estrutura de produção para cinema é infinitamente mais modesta que em Hollywood e não permite projetos milionários de longo prazo, com informações sendo soltas em pílulas ao longo de anos de espera e muito marketing global. 

No Japão, é comum se anunciar um filme para estrear apenas meses depois mas, mesmo assim, esse novo filme de Kamen Rider parece muito "atrasado" ainda, o que geralmente indica uma produção feita às pressas, mais do que de costume. Falta pouco tempo para a exibição e nada além de um teaser foi divulgado até esta data, sendo que o trailer completo do filme dos Ultras foi mostrado já em dezembro. Resta torcer para que o Kamen Rider tenha um filme à altura de sua importância para a cultura pop japonesa. 

- Post atualizado com o cartaz do filme em 01/02.


Neo Cyclone, a nova moto do herói. 
Sites oficiais:

www.superhero-movie.com
www.superhero-year.com 

6 comentários:

Bruno Seidel disse...

Eu confesso que estou bem mais ansioso pra ver o filme do Ultraman X. Por vários motivos: assisti a todos os episódios do X no ano passado e achei a série bem superior ao que já vi até agora em Kamen Rider Ghost; os recentes filmes dos Riders que foram lançados nessa época do ano (Super Hero Taisen GP e Heisei vs. Showa), em termos de enredo e "nexo", são bem inferiores aos últimos filmes dos Ultras; a Tsuburaya, diferente da Toei, costuma caprichar bem mais nos filmes, produzindo algo muito maior do que uma simples extensão da série de TV. O fato do Fujioka já ter aparecido no Heisei vs. Showa (2014) se transformando em Ichi-Go acaba um pouco com o ineditismo da atração. Sem falar que acho pouco provável que o destaque seja mais em cima dele do que no Ghost. Esses filmes sempre costumam dar um destaque maior ao herói da vez (que no ano seguinte sempre se torna "mais um").
Não sei nem dizer o que achei desse novo power up do Ichi Go, que mais parece uma versão "Toguro" (o vilão bombado de Yu Yu Hakusho).

Ricardo disse...

A aparição do Fujioka não só retomando seu icônico papel de Takeshi Hongo mas sendo protagonista do filme mostra uma mudança de postura da Toei.

Em 2011, no filme comemorativo de 40 anos "OOO, Den-O, All Riders: Let´s Go! Kamen Riders" Fujioka, Sasaki e Miyauchi somente emprestaram as vozes para o Kamen Rider 1, 2 e V3, respectivamente, mas não deram as caras - a informação que circulava é que os produtores achavam que mostrar atores envelhecidos quebraria a ideia de que um herói é eterno.

Já em 2014 Fujioka apareceu como Hongo em "Heisei Rider vs Showa Rider", mas teve um tempo reduzido de tela - seu contemporâneo Ryo Hayami, o Keisuke Jin/Kamen Rider X apareceu bem mais.

A respeito do tempo de produção de filme, ao menos em termos de calendário de divulgação ele está seguindo o mesmo esquema de divulgação dos recentes filmes da produtora lançados em março (que começou justamente em 2011 com o Let´s Go): revelação do título em dezembro, informações iniciais sobre plot e elenco convidado no final de janeiro. Ou seja, esse filme deverá ter valores de produção semelhantes aos últimos.

Um aspecto interessante é que o Fujioka participou do processo criativo do filme, dando ideias sobre a utlização do personagem e a trama.

Ale Nagado disse...

Fala, Bruno. Também estou com mais expectativa para o filme dos Ultras, que costumam ter um capricho maior na história e acabamento. Mas ficarei chateado se o filme do Kamen Rider não for bom. O Hiroshi Fujioka é sensacional e é um tesouro vivo da Toei, tanto quanto o Kenji Ohba. Merece um filme digno para o que pode ser sua aposentadoria de papeis heróicos, até pela idade.

Ricardo, realmente a Toei trabalha com prazos mais apertados que a Tsuburaya, mas parece que desta vez está tudo ficando mais pra última hora. Afinal, o filme desta vez só foi anunciado no começo de janeiro, e não em dezembro como o "Let´s Go Kamen Riders". A Toei tem estrutura pra delegar equipes diferentes para a produção, de modo a fazer tudo andar a passo acelerado, mas nem sempre isso é bom. Essa imagem que soltaram do Kamen Rider 1 me deixou um pouco desapontado. O design é MUITO legal, mas será que não tiveram verba ou tempo pra encontrar um dublê com proporções mais atléticas? Como meu amigo Michel Matsuda observou no Twitter, esse Rider ficou meio obeso. E vi que tem pernas curtas (normal pra japoneses), algo que não tão evidente com os dublês dos Ultras modernos. Essa proporção corporal é importante. O resultado é que o Rider 1Gou versão "upgrade" parece forte mesmo, mas ao mesmo tempo pesado e lento. Espero que a ação do filme tire esse impressão.

Vamos aguardar o trailer final. Assim que sair, posto aqui.

Abraços a todos!

pierrot disse...

Kamen rider ichigo tem sido um drama pra mim pois estou até hoje querendo terminar a série mas infelizmente não temos fansubers, tanto brasileiros como gringos, trabalhando no projeto que já está quase na metade legendado.
Essa expectativa me faz ter um apreço enorme pelo kamen rider original e a minha preocupação por darem uma importância e poder a ele que é o mais veterano dos heróis.
É uma ótima jogada de comemoração de aniversário da franquia chamar o ator original e me impressiona ver o vigor dele em idade avançada (essa genética e dieta japonesa fazendo milagres frente ao tempo ehehe).
Ótimas curiosidades Alexandre, essa dos asteróides foi bombástica, eu só sabia do lance do Segata Sanshiro, aliás sobre curiosidades, não sei se você ficou sabendo, mas o Hiroshi Fujioka já veio no Brasil em uma visita cultural à Minas gerais. Olha a matéria:
http://orider.blogspot.com.br/2015/02/hiroshi-fujioka-esteve-no-brasil-e-voce.html

Usys 222 disse...

Achei que ia ser um remake, mas na verdade era um cross-over com o Ghost! Tanto que foi por isso que me surpreendi quando soube que o Nº1 ia ser o Fujioka.

Mas vendo bem bate direitinho com os temas do Ghost, como o encontro com um Grande Herói e o aspecto da "Vida ser importante". E torço para que seja uma história do tipo "passagem de legado", como nas séries Ultra e Super Sentai.

O Rider ficou bem volumoso mesmo. E na verdade pensava o mesmo do Fujioka desde 2014. Será que usaram os dados corporais do Fujioka para fazer o traje para não dar sensação de estranheza? Ou será que quem veste a roupa é...? Não. Não pode ser. Talvez o Jiro Okamoto, que tem um físico parecido com essa roupa.

Outra coisa interessante é que isso me lembra o jogo Battride War deste ano. O Takeru (Ghost) diz algo como "O Grande Herói do passado! Kamen Rider Nº1!" no vídeo de divulgação do jogo.

Aniki disse...

Não achei o design ruim, mas ele acabou me passando a impressão de um power up alternativo, a ser usado em um momento mais crucial. Tipo a fase do Capitão América onde ele teve que usar uma armadura projetada pelo Homem de Ferro, devido ao soro do supersoldado estar envenenando seu corpo.

Só posso aguardar que o filme tenha uma explicação plausível para tal mudança. Ou não, o que será mais provável.

Eu ainda prefiro o visual redesenhado nos filmes The First e The Next, que atualizou o personagem na época, sem precisar de exageros.

Resta saber o que virá para o Super Sentai, o que não duvido que Goranger também possa sofrer uma atualização e interagir com o Zyuohger. Seria óbvio demais, mas abre espaço para esta especulação.

Abraços.