quarta-feira, 15 de janeiro de 2014

Ética e sabedoria em mangá - Lições para o mundo dos negócios e para a vida

Lições para o mundo
dos negócios e para

a vida em forma de
história em quadrinhos
O novo mangá que está sendo lançado no mercado brasileiro é Mestres do Oriente - Histórias de ética e sabedoria em mangá, de Hisashi Ohta. Em volume único, apresenta questões sobre ética e liderança vividas na China e, especialmente, no Japão antigo. 


Apesar de baseada em fatos reais, não se pretende uma reconstituição histórica fiel na obra. A visão apresentada do mundo dos samurais é romântica, idealizada e limpa, sem mostrar a violência fria e impiedosa - praticada por esses mesmos samurais - que caracterizou o período de guerras entre os senhores feudais do Japão antes da unificação do país. O foco da narrativa é mostrar guerreiros e líderes tendo que tomar delicadas decisões estratégicas e administrativas frente a diferentes tipos de crise. Ou mesmo pessoas comuns usando de sabedoria e bom senso para enfrentar situações complexas. 

Em um dos capítulos, o leitor fica conhecendo a história de uma rede de lojas que iniciou o hábito de emprestar guarda-chuvas aos clientes. Em outro, somos apresentados aos benevolentes vendedores de remédios que faziam venda consignada há mais de 300 anos. Ainda, é contada a história de um comandante militar que assumiu um grande risco no campo de batalha para manter uma promessa feita a seus guerreiros. 

A obra é dividida em 10 histórias curtas, cada uma abordando um tema, como a importância de se manter a palavra para inspirar lealdade, o valor de se dar uma segunda chance a alguém que errou e a importância de qualidades como paciência e comprometimento. Todas as histórias são bastante interessantes, de rápida leitura e, conforme a proposta, trazem uma motivação sincera, com valiosas lições de vida que podem ser aplicadas ao mundo profissional. 
O traço limpo de Hisashi
Ohta, excelente para
retratar pessoas simples
e de coração nobre

O traço de Hisashi Ohta é limpo, suave e com expressões bem definidas que ajudam a construção da atmosfera. A narrativa visual é igualmente limpa, sem arrojo, mas com uma clareza que transmite as mensagens com perfeição. Não é exatamente leitura de entretenimento, estando mais perto da literatura de auto-ajuda. E faz isso com louvor, se destacando em um mercado cheio de lugares-comuns, frases de efeito e filosofia barata movida a desejos de enriquecimento e sucesso rápido. 

O trabalho é publicado pela Editora Satry, que já lançou outra obra do mesmo autor, o quadrinho A História de Buda em Mangá

Mestres do Oriente é inspirado no livro Histórias de Ética e Sabedoria, de Koichi Kimura, a ser lançado ainda em 2014 pela Satry. Mesmo sendo uma adaptação, o mangá de Hisashi Ohta tem vida própria, dando vida aos protagonistas e transmitindo sua mensagem como só uma história em quadrinhos consegue, com sua combinação de texto e imagens sequenciadas. 

Porém, seriam os ensinamentos apresentados nesse mangá, profundamente arraigados em honestidade e justiça ainda válidos no mundo de hoje? Fazem sentido na sociedade repleta de individualismo, sede por resultados rápidos, sarcasmo e culto ao ego em que vivemos?

Certamente, muitas passagens podem soar ingênuas para os adeptos do capitalismo selvagem e predatório que tanto caracteriza grande parte do mundo corporativo. No entanto, é no resgate de valores há muito esquecidos que pode estar a chave para uma real evolução de nossa sociedade. 

Mestres do Oriente - Histórias de Ética e Sabedoria em Mangá
Autor: Hisashi Ohta
Formato: 13,5 x 20,5, com 140 páginas
Editora Satry
Site: www.editorasatry.com.br 

5 comentários:

João Marreiro disse...

Excelente notícia. Esse lançamento abre portas para que o pensamento oriental ganhe mais popularidade aqui no Brasil (e em países de língua portuguesa). Muitas soluções, muitas ideias e muito conhecimento fica ausente dos meios de informação por simples descaso editorial, lançamentos dessa ordem talvez colaborem para redimir o pensamento acadêmico que tende a ignorar o conhecimento produzido fora do eixo europa-américa.

Natália Maria disse...

Olá!!

Esse mangá tem um contexto interessante, se não fosse pelo fato de estar mais perto de literatura de auto-ajuda, que não faz meu estilo.

Fiquei com uma pulga atrás da orelha pela obra, contudo, não consegui achar seu custo e preciso disso se eu quiser adquiri-lo.

Ótima dica. Até mais

Ale Nagado disse...

Fala, JJ! E Ed. Satry está tentando cobrir essa lacuna editorial, com vários lançamentos de filosofia oriental. Espero que tenha sucesso com a empreitada.

Abração!

Ale Nagado disse...

Oi, Naty. Olha, a maioria do que tem sobre auto-ajuda é picaretagem, mas tem muita coisa interessante pra se aproveitar.

E o Mestres do Oriente já está no site da Comix, ao preço camarada de R$ 15,00. Olha o link:

http://www.comix.com.br/advanced_search_result.php?keywords=mestres+do+oriente&x=0&y=0

Abração!!

Takeshi Ishii disse...

Li e recomendo também "A História de Buda em mangá" do mesmo autor Hisashi Ohta publicado pela Editora Satry. Os seus traços são simples e bonitos e com roteiro bem explicativo. A história de Buda nesta versão é dada pelo ponto de vista da Escola de Budismo Terra Pura (Jodo Shinshu). Seria interessante se a editora trouxesse os mangás que contam a história de Shinran Shonin (1133-1212) o fundador dessa escola, um monge que revolucionou o Budismo, tal qual Martinho Lutero revolucionou o Cristianismo.