quarta-feira, 23 de maio de 2012

Boletim 38: Caixa comemorativa dos 25 anos de Street Fighter

A famosa franquia Street Fighter, que nasceu como game e gerou animações, quadrinhos, filmes live-action e uma infinidade de produtos, está completando 25 anos. Para comemorar, a CAPCOM, empresa desenvolvedora dos games e detentora dos direitos, anunciou o lançamento de uma caixa especial para colecionadores. 


Concebida para ser um verdadeiro sonho de consumo, irá incluir games, trilhas sonoras, o animê Street Fighter II Movie (versão EUA, com cortes e trilha sonora ocidentalizada), a série animada (a péssima série americana, não a clássica SF II-V), documentário, trilhas sonoras, artbook, estatueta de Ryu e um vasto conteúdo para justificar o preço salgado de 149,99 dólares. Para os fãs dos animês de Street Fighter, não vale a pena, mas os jogos e demais itens de colecionador podem compensar, caso alguém se interesse. 


O lançamento será em 18 de setembro de 2012, somente para o mercado estadunidense, por enquanto. Abaixo, confira o vídeo promocional da caixa:





Fonte: Anime News Network (Neste link, confira a lista completa de itens relacionados na caixa.)

8 comentários:

Diego Hatake disse...

Putz, ótimo box, mas a ausência do Street Fighter II Victory (anime) é o erro... E o movie editado, idem.

Anônimo disse...

FERNANDO

vixiiiiiiiiiii
meudeusdoceu
to ficando velho mesmo
parece que foi ontem que eu tinha 11 anos de idade e o ano era 1993 quando comecei a jogar street fighter II (meus pais ficaram doidos dede a primeira vez que eu oguei ele no fliperamam e era uma verdadeira guerra diária para me dirar diante das máquinas do fliperamas) e hj eu já passei dos 30 no inicio desse ano rsrsrsrsrs
se bem que além desse maravilhos game, quem faz 25 anos tbm nesse ano é os tokusatsus do maskman e do metalder e tem o anime e o game do zillion tbm
vixiiiiiiiiiiiiiiiiiiiiii
sem contar os 45 anos do speed racer.... é... to ficando velho mesmo rsrsrsrs
em relação ao box da matéria é demais e uma pena que com ctz esse box ñ chegara aqui e com ctz se chegar irá custar 2,3,4 vezes mais do que custa nos eua por exemplo mas que o box é demais isso ñ a menor duvida
parabéns street fighters
simplesmenteum verdadeiro icone na era dos games de luta do mundo todo

Alexandre Nagado disse...

Diego, talvez tanto o SF II-V quanto o movie versão original sejam incluídos na versão japonesa, se houver. É só uma suposição, visto que não vi anúncio nenhum ainda de que tal caixa tenha um similar japonês. Vamos aguardar.

Fernando, só uma coisa: ESTAMOS VELHOS MESMO, ah ah. :-D

Cheguei a jogar o SF II, foi um dos últimos games que eu joguei algumas vezes. Pra época, foi mesmo revolucionário.

Abraços!!

Bruno Seidel disse...

A notícia é impactante e animadora à primeira vista, mas quando vejo que estão anunciando aquela versão ridícula do "Street Fighters Game" (assim chamado pelo SBT nos anos 1990) ao invés do SFII-V (pelo menos nessa versão americana) o desânimo é inevitável. Pior só se tivesse junto aquele filme grotesco com o Van Damme, hehehehehe. Mas considerações à parte, seria uma injustiça enorme deixar passar em branco os 25 anos dessa que é a maior franquia de jogos de luta de todos os tempos. Street Fighter é um marco na história dos videogames e na minha vida também. Foi um dos maiores fatores de influência durante a minha infância/adolescência, o que consequentemente ajudou a moldar meu estilo de vida e me empurrou pra esse universo "nerd" (no bom sentido). Assim como o Nagado, o que mais me encanta em Street Fighter são os personagens e as versões em anime/mangá/comics que vieram em decorrência do sucesso dos games. Não sou um gamemaníaco e confesso que não sou tão apegado assim aos jogos em si. Tenho muita saudade daquela época (95, 96) em que passava o anime no SBT e sempre tinha na banca algum gibi ou revista especializada falando sobre a série.

Anderson Gomes disse...

O_o!!!!!!!!!

O meu Santo Shoryuken!!! Só me dêem o nome do indivíduo que eu preciso matar para comprar esse box!

Ah sim, e como bom colecionador devo vir em defesa de alguns elementos do conteúdo do box (e fora dele também):
» O desenho Street Fighter Game teve duas temporadas, como o nosso digníssimo Nagado sabe, e da primeira temporada para a segunda houve uma pequena diferença na abordagem da série, já que a primeira temporada era uma continuação quase direta do filme Street Fighter: O filme.
» Já o filme de com Jean-Claude Van Damme teve um orçamento de 35 milhões de dolares e uma arrecadação de 105 milhões. Para época, ele foi um sucesso sim e no currículo de Jean-Claude foi um de seus filmes mais assistidos. Sei que como fã do jogo o filme seria deplorável, mas como filme de ação tem até um roteiro bem legal considerando a quantidade de personagens que aparece. Fora o quê ainda tem um monte de referências ao jogo em quase todo o decorrer do filme. Por último, mencionar que, embora o físico dele estivesse longe de ser o ideal do nosso amado ditador, Raul Julia fez um inestimável papel de M.Bison como nenhum outro conseguiria fazer. Embora muito criticado, ele tem bons momentos que é possível se divertir e, mesmo com um orçamento menor, angariou bem mais que seu sucessor (coitadinha da Chun Li... u_u)

Anderson Gomes disse...

» Já o filme de com Jean-Claude Van Damme teve um orçamento de 35 milhões de dolares e uma arrecadação de 105 milhões. Para época, ele foi um sucesso sim e no currículo de Jean-Claude foi um de seus filmes mais assistidos. Sei que como fã do jogo o filme seria deplorável, mas como filme de ação tem até um roteiro bem legal considerando a quantidade de personagens que aparece. Fora o quê ainda tem um monte de referências ao jogo em quase todo o decorrer do filme. Por último, mencionar que, embora o físico dele estivesse longe de ser o ideal do nosso amado ditador, Raul Julia fez um inestimável papel de M.Bison como nenhum outro conseguiria fazer. Embora muito criticado, ele tem bons momentos que é possível se divertir e, mesmo com um orçamento menor, angariou bem mais que seu sucessor (coitadinha da Chun Li... u_u)

DIO disse...

Impossível não comentar quando vejo fãs falando sobre o filme de 1994; (que eu não gosto...); e deixar de citar sobre o filme feito um ano antes com o Jackie Chan. O filme "City Hunter" é uma comédia em que há uma brincadeira com alguns personagens de Street Fighter e achei muito melhor, bem feito e divertidíssimo que o filme de 1994. É impagável ver o Jackie Chan personificando a Chun-Li, e dando os saltinhos no final da luta:
http://youtu.be/Z4Psls1ngwM

O curioso é que a maioria dos fãs de Street Fighter não conhecem estas cenas que foram precursoras (e acho as mais engraçadas) de atores personificando aos personagens da série...

Alexandre Nagado disse...

Bem lembrado, DIO. Eu vi esse filme antes de ser lançado aqui, porque tinha um amigo que colecionava tudo sobre o Jackie Chan e importava fitas assim que eram lançadas lá fora.

Esse City Hunter não é muito fiel ao mangá, mas é bastante divertido. A sequência de Chan como Chun Li é impagável. Clássico!

Abraços!