quarta-feira, 17 de novembro de 2010

DANI - ESTUDOS DE PERSONAGENS

Dani: Um projeto autoral para HQs de cotidiano.

O governo de SP possui um programa de incentivo cultural chamado PROAC e anualmente tem selecionado projetos de histórias em quadrinhos para serem transformados em álbuns. O orçamento é generoso e tem atraído vários profissionais. Neste ano fui um dos que apresentou, sem sucesso, um projeto para ser avaliado. A ideia era para uma história longa com uma personagem que faz tempo que não mexo, a Dani

Criação bastante autoral, Dani apareceu primeiro numa HQ de 4 páginas numa revista de curso de desenho da Ed. Escala. Era uma edição produzida pelo Watson Portela e eu entrei como “desenhista convidado” com uma história de metalinguagem onde a personagem - uma desenhista - comentava algumas características narrativas do mangá. Só depois vi o potencial para histórias de cotidiano, coisa que fiz no n. 3 da revista Desenhe e Publique Mangá, novamente como artista convidado (e remunerado, claro). Finalmente, fiz outra tentativa e produzi nova HQ dela, no álbum mix Mangá Tropical (Ed. Via Lettera, 2003). O material também foi disponibilizado no antigo site www.nonaarte.com.br e, caso não tenha lido, pode ser visto em www.nagado.com/dani.pdf.

No ano passado, a meu convite o amigo Nick Farewell fez um pequeno texto (como um poema) para que eu quadrinizasse com a Dani (veja aqui). E nunca mais mexi com a personagem, por falta de tempo e interesse, em virtude do mercado ruim – financeiramente falando - em que vivemos. O PROAC me fez planejar algo novo com a personagem mas, como não fui selecionado, tudo voltou pra gaveta.

Criei um elenco central para contracenar com ela e fiz alguns estudos de traço, o que foi um exercício divertido, no fim das contas. Bom, como talvez não volte a mexer com essa personagem (que, a bem da verdade, não empolgou muita gente), resolvi reunir os estudos finalizados e pelo menos mostrar aqui no blog. 

6 comentários:

The Fool disse...

Ae Nagado!
Olha, mesmo não tendo sido classificado pro ProAC, vai tocando as coisas aí da Dani, cara!
Cara, eu AMO história de cotidiano, não tenho mais (tanta) paciência pra trama com heróis que saem lá fora pra salvar o mundo! >_>
Se tu fizer e for classificado, compro o álbum sem neura, mas daí tu vai ter que autografar pra eu! =D
Que acha?
Abração!

Alexandre Nagado disse...

Opa, obrigado pelo apoio. O que mais me falta é tempo para um projeto elaborado, de longa duração como um álbum, por isso acho que nunca farei se não for com algum financiamento. Porque eu não consigo fazer 60, 80 páginas se não estiver recebendo pra isso. Fazer uma tira pra mim sem retorno financeiro já é complicado, pois os trabalhos e afazeres não deixam muito espaço e eu tenho contas a pagar. Mas eu ainda quero fazer algumas HQs de cotidiano, quem sabe com a Dani ou algum outro personagem.

Abraços!

The Fool disse...

Faça da Dani, eu gosto de protagonistas femininas nas histórias! =D
Boa sorte aí Nagado, não se enrole muito aí, hein?
Valeu!

Alexandre Nagado disse...

Ah ah, eu também curto protagonistas femininas. É sempre um desafio legal fazer uma personagem feminina consistente. Ultimamente, mesmo em trabalhos institucionais, tenho usado bastante personagens femininas.
Espero ter novidades em breve.

Abraços!

Anônimo disse...

Por favor, Nagado, tente de novo. Se insprie no exemplo da... Dani!!!! Se sair eu compro.

Alexandre Nagado disse...

Valeu. Infelizmente, fazer um álbum solo demanda muito tempo e não dá pra deixar de lado trabalhos que pagam minhas contas pra fazer um trabalho por amor à arte. Se eu pudesse me dar a esse luxo, estaria fazendo um álbum mesmo sem saber se seria publicado. Um dia, quem sabe.