RECADO AOS VISITANTES:

Olá! O blog está de férias, mas já estou trabalhando em novas postagens. O Sushi POP voltará a ser atualizado no dia 1 de agosto (terça), no período da tarde.

O que vem por aí:
- Ultraman Geed, Novo Lobo Solitário, resultado da convocação para trabalhos acadêmicos e mais!

Esteja aqui para conferir. Até breve!

quinta-feira, 26 de agosto de 2010

Pokémon e a Equipe Rocket - Quando os vilões viram heróis

Equipe Rocket
Sempre digo que séries japonesas normalmente têm começo, meio e fim. Mas há exceções. O gatinho-robô Doraemon e a dona-de-casa Sazae-san têm séries intermináveis há décadas e provavelmente vão durar pra sempre. 

Talvez Pokémon (no ar no Japão desde 1997) esteja no mesmo caminho, visto que a fonte parece inesgotável. Não faço parte do público-alvo, mas gostei muito das primeiras temporadas. Os primeiros três anos foram realmente muito inspirados, mas depois meu interesse foi decaindo, pois o enredo não vai a lugar nenhum.

Outro dia, pude relembrar como essa serie já foi uma das melhores de seu tempo. Vi na Rede TV o antigo episódio "O desejo ardente de Charizard" (ep. 136, terceiro ano da série). Na trama, o orgulhoso dragão de Ash descobre que não é tão poderoso assim se comparado à elite de sua raça. E resolve ficar no Vale dos Charizards para se aperfeiçoar, mas não é aceito logo de cara. Quem irá ajudá-lo de forma eficaz e decisiva não é seu treinador e nem seus colegas Pokémon. 

O grande destaque desse episódio são os vilões da Equipe Rocket - certamente entre os malfeitores mais patetas já criados em uma série de aventura.


Primeiro, eles planejam roubar um dos dragões do vale. Aí, o cerebral Meowth conclui: "Que chance temos de pegar um Charizard que bate no Charizard que sempre bate na gente?

E ao verem o sofrimento de Charizard por não ser aceito entre os de sua espécie por ser fraco e indisciplinado, os vilões choram. "Eu sei o que é ser derrotado e humilhado! Buááá!" 
Charizard e seu treinador, Ash
Eles se solidarizam com Charizard e resolvem ajudá-lo em segredo. E graças à eles, que se lançam pra tomar uma surra de bom grado (depois de vararem a noite pra manter o dragão acordado e sem esmorecer) o Charizard de Ash consegue ser aceito. Ninguém - além do telespectador - fica sabendo do gesto deles. Mesquinhos e gananciosos sim, mas com capacidade pra fazer algo de bom com sinceridade.

Criar vilões que geram simpatia não é tarefa muito fácil e a Equipe Rocket é uma das grandes atrações da série, tão ou mais importantes que os heróis da série. Essa abordagem cômica é exclusiva da animação, já que na concepção original do jogo eles seriam uma organização séria e maligna. 

O episódio em questão é uma pequena obra-prima, eclipsada por uma imagem negativa que Pokémon acabou ganhando entre fãs hardcore de animês, por ter se tornado pouco mais que uma vitrine para exibição de produtos colecionáveis. Por isso, foi legal ter revisto aquele episódio, um dos melhores de uma série que poderia ter se encerrado com chave de ouro há muito tempo. 

9 comentários:

Michele disse...

Eu sou outra q adorava a equipe rockets... esse é mesmo um dos exemplos de vilões q roubam a cena XD Na epoca em q passava pokemon eu já tava com uns ... entre 15 e 18 aos rs... assisti só as duas primeiras temporadas, dpois, os reprises sem fim e o lançamento dum monte de pokemons cada vez mais estrahos acabaram com minha curiosidade sobre a série :P

Agora deu vontade de fazer um fanart da equipe rockets! XD na epoca já havia tentado desenhar várias Jesses... agora pelo menos eu já consigo desenhar o restante deles XD

... disse...

Muito legal seu post Ale! Eu assistia pokemon porque minha mãe gravava pros meus priminhos, e eu aproveitava né! Adorava a equipe Rocket tb! me divertia horrores com eles!

Alexandre Lancaster disse...

Pior que o meu episódio favorito de Pokemon é justamente o que conta o passado do Meowth. Ele se apaixonou por outra Meowth como ele, e por isso se esforçou para subir na vida de alguma forma – ela tinha uma dona rica se bem me lembro. E ele aprendeu a falar como os humanos. No final, a Meowth de que ele gostava o escorraçou por que ele era esquisito – ele falava como os humanos, logo tinha algo de errado com ele.
Cruel, mas verdadeiro. Tente ir acima da média das pessoas que o cercam e você vai ver como elas passam a te encarar. Grande episódio. :)

Alexandre Nagado disse...

Grande lembrança! Eu gostei muito desse episódio também. Era daqueles que permitem uma leitura mais aprofundada.

Hoje viraram uma caricatura cansativa, mas a Equipe Rocket roubava a cena.

Paladino do Cerrado disse...

Nossa agora bateu uma saudade!

Para Proteger o Mundo da Devastação
Para Unir os Povos de Nossa Nação!

Quem não adora a nossa dublagem de Jesse e James?

Esse episódio mostrou o quanto essa dupla poderia era sim virar os principais e claro tentarem limpar o nome deles ia ser uma tremenda de uma boa trama!

Lady Severus disse...

Eu sou amante da Equipe Rocket desde o início. Perdi o interesse no anime desde a 3ª temporada, mas, ainda mantive a esperança de que os roteiristas iriam usar o cérebro em vez da ganância algum dia... E eis que finalmente, deram-lhes o devido posto de vilões sexies(tirando o Meowth) e ainda carismáticos.. Em pokémon Best Wishes (Pokemon Black White), o anime sofreu uma reforma completa, até dando uniforme novo aos Rockets..(pena que isso mudou depois do terremoto do japão...) Agora eles tem muitas missões de elite e propósitos realmente maliciosos e não perdem mais tempo atrás de Ash e Pikachu. (Graças a Merlim!) Sim, sempre depositei esperanças nestes personagens, que quase tomo para mim. Nunca os achei patetas e idiotas, tenho muitas teorias sobre isto, além da lei de os roteiristas serem grandes babacas.
Faça uma matéria sobre A Team Rocket do best Wishes! Beijos =)
Beijos!

Usys 222 disse...

A Equipe Rocket com o tempo se tornou a alma do desenho. Essa fórmula dos vilões com mais carisma que os heróis é bem conhecida e até cristalizada no Japão com as séries Time Bokan, no qual um trio de vilões atrapalhados tentam derrotar um time de mocinhos meio sem graça.
E esse tipo de "inversão de valores" também funciona neste lado do mundo. Bons exemplos seriam o Dick Vigarista e o Poderoso Falsão.
É certo que diferente da Equipe Rocket, nenhum desses vilões fez algo de bom, mas eles eram persistentes, o que atraía a simpatia do público.

Lk Games disse...

Eu amo a equipe rocket, eles dão uma animação no anime

Alexandre Nagado disse...

Olá. Eu também adoro a Equipe Rocket e o interessante é que eles são do jeito que conhecemos por causa do animê. Originalmente, eles eram uma organização com agentes realmente malignos e sérios. Jesse e James foram o grande acréscimo feito pelos produtores do desenho animado.

Abraços a todos!