7_Visual_Kei CDJapan

sexta-feira, 26 de março de 2010

A MODA URBANA JAPONESA E AS GOTHIC LOLITAS

A cultura pop japonesa, que começou a espalhar pelo mundo graças ao mangá e ao animê, engloba uma série de itens de entretenimento e consumo. Uma das que tem ganho mais destaque na mídia é a moda urbana, que tem nas "gothic lolitas", um de seus maiores expoentes. Elas têm um jeito meio "menina-mulher" que combina vestidos vitorianos (ou similares), com acessórios modernos e sempre trazem um ar ingênuo e, para muitos, sensual (daí a alusão ao romance Lolita, de Vladmir Nabokov). 

Porém, elas refutam qualquer apelo sensual e têm pavor de serem comparadas com a Lolita do livro.
As gothic lolitas tranbordam um ar ingênuo e romântico, ao mesmo tempo que etéreo, inalcançável. Um símbolo irresistível às paixões dos otakus japoneses, sem dúvida alguma.


De tão exóticas, sempre chamam a atenção, sendo uma das "tribos" mais conhecidas do mundo da moda japonesa atual.

Eu não me ligo em moda, passo longe disso, mas comecei a prestar atenção nesse universo por sua estreita ligação com o mundo dos animês e mangás, que servem como inspiração para muitos acessórios. E não se pode falar em cultura pop japonesa sem ter em mente que a moda também faz parte dela, assim como o cosplay, o tokusatsu, os games e a música (J-pop, J-Rock e Anime songs). Essa moda tem ganho tanta importância no mundo que o governo japonês designou três garotas como "Embaixadoras do Kawaii (fofura)", cuja missão é divulgar a moda urbana japonesa pelo mundo afora. Uma delas, Misako Aoki (especialista em gothic lolitas, vista na foto acima), esteve no Brasil no ano passado, desfilando e mostrando as últimas novidades para o público em São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Recife.

E foi lá em Recife que ela se encontrou com uma jovem empresária especializada nessa moda japonesa moderna, que atende pelo apelido de Diva. A Diva conheci em Recife, no começo de 2009, quando fui palestrar como convidado do evento Animepan, do meu amigo Stenio Barros. Uma figuraça que despontou em eventos e já deu palestra sobre a curiosa moda urbana japonesa e as gothic lolitas, a Diva trabalha e divulga esse segmento.

Totalmente Diva é o nome da loja virtual que ela montou para vender acessórios e penduricalhos que fazem a alegria das adeptas da moda japonesa. Para quem curte ou quer conhecer esse universo feminino, vale uma conferida.

- Conheça a loja Totalmente Diva.

Foto: Misako Aoki em sua passagem por Recife, em 2009 (Crédito: Totalmente Diva)

- Atualizado em 29/03. Agradecimentos à Diva por esclarecer uma informação equivocada relacionada à forma como as lolitas se definem. 

4 comentários:

Caio Murdock disse...

Boa postagem Nagado. Fazia um tempo que não passava no Sushi Pop. E tenho uma dúvida... Como colocar a caixinha do formspring no blogger.

Perdão pela troca de assunto. Suas postagens são sempre esclarecedoras.

Até a próxima.

Alexandre Nagado disse...

Oh, não, um OFF TOPIC! Ah, mas leitor veterano pode.

Faz assim: entre no seu painel de controle do Blogger e vá em "Layout". Depois, clique em "Adicionar um gadget". Selecione a opção "HTML/JavaScript".

Daí é só colar no espaço o código HTML fornecido pelo Formspring na seção "Settings". É fácil. Qualquer dúvida, me manda um e-mail.

Abraços!

Enivaldo disse...

Fala Nagado!

Outro dia deparei-me com uma "Gothic Lolita" na Liberdade. O visual era bem extravagante mesmo. Algumas pessoas olhavam com perplexidade para a figura. Como eu já havia lido uma matéria na "Made in Japan", a respeito, entendi logo do que se tratava. Mas para os desavisados é sempre uma surpresa.
Pra dizer a verdade, até achei legal. Pode ser uma boa referência na hora de criar um personagem de Shojo Manga.

Um abraço!

Enivaldo Pires

Alexandre Nagado disse...

Fala, Enivaldo. Não tem como ficar indiferente ao se deparar com uma pessoa vestida assim.

As gothic lolitas já inspiraram personagens de mangá e animê, inclusive. Um exemplo está em Love Hina. A meia-irmã do protagonista Keitarô é uma típica gothic lolita. Existe um verdadeiro fascínio (ou tara) em parte do mundo otaku japonês por esse tipo de garota.

Abraços!