terça-feira, 19 de maio de 2009

Gundam e Neil Sedaka


O que é que o veterano cantor e compositor pop Neil Sedaka (Quem? Calma que eu explico...) tem a ver com os poderosos robôs gigantes da franquia japonesa Mobile Suit Gundam? Musicalmente, muito, já que os temas de abertura e encerramento da saga Zeta Gundam (de 1985) são versões de músicas de Sedaka. Eu conheci primeiro as versões em japonês das músicas, que soam como genuínas canções de animê (anisongs) com pegada J-Pop. Mas pesquisando, vi que as músicas tinham suas melodias creditadas a Neil Sedaka.

Nascido em 1939 nos EUA, Neil Sedaka fez sucesso mundial entre o final da década de 1950 e início de 60, com canções como "Oh, Carol", "Breakin' up is hard to do" e "Calendar Girl". As músicas usadas em Gundam são da safra dos anos 1970 e não são muito conhecidas. Certamente, algum produtor de Gundam devia ser um grande fã do cantor.

Primeiro, a abertura de Z Gundam, a música "
Toki wo koete".



Agora, compare com a versão original de Neil Sedaka, intitulada "Better days are coming":





Encerramento de Z Gundam, a música "Hoshizora no believe":


Ouça agora a versão original, "Bad and beautiful":





Ambas as canções foram interpretadas em japonês por Mami Ayukawa. Ainda houve uma música inédita de Sedaka usada na série, a "For us to decide", que virou "Mizu no hoshi he ai wo komete". As músicas foram licenciadas no Japão, mas por questões de negociação de direitos autorais nos EUA, quando Z Gundam foi lançado por lá, as músicas tiveram que ser trocadas.

Abaixo, a versão ao vivo do tema de abertura com Mami Ayukawa se apresentando no show Super Robot Spirits 2003.



4 comentários:

Robinson Oliveira disse...

De Gundam assisti apenas um Movie mas mesmo assim totalmente em japonês. Tenho que ser sincero, não encheu meus olhos. Entendi então que não é minha praia em compensação na época do Pirata do Espaço curtia bastante e ainda gosto.
Por fim muito interessante está informação a respeito das canções vindas dos EUA década de 60 e 70. Sempre é bom atualizar este Mundo chamado CULTURA JAPONESA POP.
Valeu Nagado.

Alexandre Nagado disse...

Assisti pouca coisa do Gundam, mas sinto que devo dar mais uma chance ao título. De qualquer forma, as músicas de animês de robôs dos anos 80 são muito legais e achei muito interessante ver como aquelas canções pop norte-americanas foram transformadas em autênticas anime songs.

Robinson Oliveira disse...

Desculpa Nagado mas esqueci de comentar: "sou apaixonado pelo MACROSS", que também têm Robôs.
Sempre nos forneça estas novidades ou descobertas...rsrsrsrs.
Te cuida irmão.

João Aranha disse...

Eu vi algumas coisas de Gundam, mas o Zeta eu não tinha visto e nem sabia disso. Mas deu-se logo para ouvir que é coisa de qualidade como o Sedaka sempre fez em suas músicas.

Abraços!