quinta-feira, 15 de janeiro de 2009

QUADRINHOS DIDÁTICOS

Um trabalho que tenho desenvolvido desde o ano passado é produzir folhetos de orientação para um call center de uma grande empresa da área de cartões de crédito.

O material usa a linguagem dos quadrinhos e apresenta conceitos que vão desde o atendimento ao cliente até a conservação de equipamento e segurança de informações. Logo no primeiro da série, a resposta dos funcionários foi boa e resolveram encomendar outros.

O trabalho é dividido em várias etapas. Primeiro, os responsáveis da empresa me passam um tema e me abastecem com informações sobre o assunto. Depois, eu elaboro um lay-out com esboços rápidos e os diálogos já completos para que analisem a mensagem e a narrativa nas duas páginas (frente e verso) do folheto. Nessa etapa, há sempre várias correções e ajustes. Depois de tudo aprovado, produzo a arte-final colorida em alta resolução e salvo em formato PDF para impressão. Normalmente, uma semana é o tempo ideal para esse tipo de produção, mas no começo o processo foi bem mais demorado para que eu entendesse o que o cliente quer e precisa.

Há um grande cuidado por parte do cliente com a forma como os funcionários são retratados e como estão vestidos e isso tem um significado: existe identificação. Os leitores estão entrando na história, se identificando e comentando sobre o que está lá escrito. Por sua combinação de texto e imagem, a linguagem dos quadrinhos é imbatível quando o objetivo é transmitir idéias na forma impressa.

SOBRE O TRAÇO

Por uma questão de sobrevivência no mercado de trabalho, desde o começo da carreira (e lá se vão 20 anos) venho desenvolvendo desenhos de bonequinhos estilizados, mais próximos do cartum, que possuem maior utilidade em material didático. Meus primeiros desenhos publicados profissionalmente, aliás, eram cartuns.

No começo, a influência maior era F. Ibañez, de Mortadelo e Salaminho. Aos poucos, a influência dos traços de Hergé (Tintin) e Laerte foi prevalecendo. Acabei desenvolvendo um traço pessoal com boa aplicação comercial. Mas esses desenhos nunca foram algo que eu visse como algo autoral, um pensamento que tem mudado na medida em que o desenho vem amadurecendo e ganhando personalidade. Hoje em dia, não descarto criar projetos com esse traço mais simplificado, além do meu desenho mais preferencial, influenciado por mangá realista.

Falando nisso, tem um roteiro de um amigo esperando pra ser desenhado há meses. Preciso coordenar melhor meus horários, que os projetos já estão se acumulando.

5 comentários:

Enivaldo Pires disse...

Fala, Nagado!
Gostaria que você levasse adiante essa idéia do trabalho autoral com esse traçado. Foi justamente essa característica de "traçado limpo" que despertou o meu interesse pelo seu trabalho, na época da MASTER COMICS.
Com um traçado mais limpo a mensagem ganha força. Esse deve ser um dos motivos do poder dos Cartuns.
Ah, pretendo ir ao lançamento do Livro do Cláudio Ayabe, hoje.
Se tudo der certo, até lá!

Enivaldo Pires

Alexandre Nagado disse...

Fala, Enivaldo!

Tem algumas coisas em traço de mangá que eu ainda quero fazer. Esses bonequinhos mais estilizados eu fiz num projeto autoral de tiras que na verdade só teve duas historinhas. HQ mesmo, um dia eu preciso fazer.

Se ainda não viu as tiras, confira:

http://s128.photobucket.com/albums/p185/nagado/?action=view&current=tira_max.jpg

http://s128.photobucket.com/albums/p185/nagado/?action=view&current=vida_moderna_2.jpg

Abraços!

MaY tadaima disse...

Olá!!
Me de a sua licença para entrar!

Meu irmão comentou sobre os seu projetos seja em revistas e desenhos (humm..amo mangá e ver o que um profissional na área faz pra mim vai ser uma honra!)

Gosto dos traços simples tipo tin tin (é assim que se escreve?hehe)me lembra um pouco as histórinhas de livros como "Para gostar de ler" que sempre tinham charadas e enigmas pra desvendar..
Gostaria de ver suas obras de charges também..posso dar umas bizoiadas?
rss.
Até!

Marko Ajdaric - Neorama dos Quadrinhos disse...

boa Sorte, seu Nagado.
eu, pessoalmente, não gosto (NADA) de marketeiros, mas uem sabe, com sua inteligência, eles evoluem? :-)

Alexandre Nagado disse...

MaY, espero que goste dos meus desenhos. Aqui no blog, tem o marcador "Desenhos e sketches", em que estão listadas as postagens com algum desenho meu. E no meu site pessoal (www.nagado.com) tem várias coisas. O material mais recente está aqui no blog.

Depois me conta o que achou.

Marko: valeu a força e obrigado pela ilustre visita e comentário. Sempre que posso, recomendo seu Neorama a amigos.

Abraços!!!